Poesias e Mensagens Virtuais

Mensagens de Priscila Regina

Meu coração 11

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Meu coração
Priscila Regina


A quem pertence o meu Coração?
Serei capaz um dia de amar?
Poderei dar o meu coração a alguém
Sem não me arrepender depois de instantes?

Me pergunto se um dia alguém
Verdadeiramente me amou
Se fui a medida exata de um coração
Se fui um sonho lindo, ou não...

Quero tanto poder tocar
No rosto daquele que me jurará
Amor e carinho eterno
Um sonho lindo, e desejado

Eterno como o primeiro olhar
O primeiro beijo
Como as lembranças das mãos
Tocando meus cabelos e beijando minha face

Me angustia não ter um lugar
Para depositar meu amor...
Um homem que eu ligue
apenas para ouvir sua voz!

E ouvir dele dizendo
Que pensava em mim
Naquele exato momento que eu
Por saudade liguei.

Quero, sonho e terei
Mesmo que demore
Mesmo que não perceba,
Por onde meu amor esta...
Um beijo em tua face
Um carinho em você..
Um dia farei...


Dor 8

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Dor
Priscila Regina

Tem horas que dói tanto esperar
Ao mesmo tempo sinto as mãos atadas
De ir atrás... de buscar...
Enquanto isso...
Sigo.

Dói não saber o que esperar
Como vai chegar...
Se a culpada sou eu,
Ou se simplesmente não é o tempo
De ter o que tanto busco

Meu coração parece ta sangrando
E com feridas que não cicatrizam
Mas preciso ser
Um pouco mais forte
A cada dia mais.

Frágil amor

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Frágil amor
Priscila Regina

Quando pensei que te teria
Tu de minhas mãos caia
Tão frágil e indefeso
Como jamais imaginara
E eu que fantasiei mil aventuras
Aos poucos acordava
De um sonho que não
Se tornou real
Mesmo quando você jurava
Mesmo quando você chorava
Me surrando baixinho que
Pela primeira vez tu amavas
Eu boba acreditava
Em cada palavra
Cada carinho dito
E me apegava a ela
Como se só sua voz me salvasse
Como se só em você encontraria o amor...
O Carinho que eu necessitava...
Não erramos nem acertamos
Apenas num determinado tempo
Amamos, beijamos, sonhamos...

Não brinca comigo

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Não brinca comigo
Prit


Não com meus sentimentos...

Não me engana

Não diga que és meu,

Enquanto não for verdade.

Me iludo,

Me entrego de alma

E você... a brincar...

Não faz isso,

Eu vivo

Eu respiro...

Eu amo

Você!

Decepção 8

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Decepção
Priscila Regina

A dor que hoje aflige a minha alma

Eu não posso e nem sei mensurar

A dor que hoje me aperta o peito

Eu não sei no que ela vai dar

Ela apenas dói...

E me rasga o peito profundamente

O meu chão Falta,

As lágrimas correm...

Mas o que eu posso fazer?

Já fiz o que pude,

E creio que não mais dei motivos para duvidarem de mim.

Mas arquitetaram tudo minuciosamente,

Como um crime perfeito

Mataram meu coração...

Mataram-me...

Não sei mais em quem confio

Nem sei de devo mais confiar na minha sombra

Ela pode me trair...

Em meus lábios acabaram os cantos,

Dos meus olhos secaram-se as lágrimas,

Do meu rosto o sorriso não mais nasceu,

Desde que sentei aqui hoje!

Quebra das correntes

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Quebra das correntes 
Priscila Regina
Estou passando por uma espécie 

de quebra de correntes mentais.

Quebra de ligações sentimentais.

Buscando me sentir novamente livre...

E sabe que estou como se tivesse

tirado uma tonelada de minhas costas?

A mente ficou menos turva,

Os sentimentos foram clareando.

Se o que sentia era amor

Hoje não mais o considero assim...

Acho que era uma ligação estranha,

Uma dependência de atenção.

Eu quero de ti a sua amizade,

Nada mais além disso.

Amor?...

Nem sei mais o que é isso

Alias nunca provei disso.

Somente daquele vindo do Pai.

Um dia entenderás que algo mudou,

Como eu já percebi em mim...

'Quando você quis amizade foi isso que te dei'

Agora creio que já posso dizer isso também.

Sem medo!

Aprendi a te olhar como amigo...

E esse é um estado constante que me toma.

Te confesso hoje,

Que te amei, me apaixonei,

Mas tudo passa...

Já estava sentindo que não sentia mais nada demais.

Me entenda...

Não me julgue...

Não tenho mais motivos para ocultar nada!

Transformação 2

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Transformação 
Priscila Regina


De um tempo para cá

Eu me firmava em alguns conceitos

Eu me gabava de não ter defeitos

Descobrir o quão falha eu sou

Eu que não guardava nenhum rancor

Em meu coração que só cabia amor

Teve espaço para a tristeza e a dor

E fingia ser poeta

Para colocar meus pensamentos

E no fim do dia me via apenas presa

Por meus tristes sentimentos

De revolta, de amargura

Os ossos doem a cada momento

Que me lembro de nossa briga

Eu que jurava ser eterno

Hoje já não sei!

Suas lembranças tento apagar

Suas fotos tento não mais olhar

Sem que as lágrimas brotem em minha face

Mas ainda não é fácil assim.

Não que reste muito sentimento nobre em mim

Mas porque confiei demais

Me entreguei demais

E hoje estou assim

Com o resto de trapo que você deixou

Pela amizade sincera que você desprezou

Quando simplesmente de mim você Duvidou.

A vida mudou

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Reconciliação
A vida mudou 
Priscila Regina

E foi me levando para lugares que nem imaginei,

Sem eu mesma esta preparada.

Minha mente mudou,

E esqueceu de me avisar que era necessário

Ter força para enfrentar alguns obstáculos.

Você mudou,

Me excluiu de sua vida, e não mais se importou...

Meu coração ainda bate,

Meus pulmões ainda me permitem respirar

Mas até quando terei forças para tanta mudança...

ainda não sei.

Amigo 111

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Rompimento
Amigo 
Priscila Regina

Não sei se errei

Ou se fiz o que era certo

Só sei que te amei de verdade

Com tudo de bom que pude oferecer

Te ofereci meu tempo, quando este faltou

Te ofereci meu ombro, quando eu precisava de carinho

Te ofereci minha vida, quando senti que precisavas

E em troca só pedia uma coisa

Que nunca se afastasse de mim...

Apesar de muitos acharem que tu necessitavas de mim

Eu quem clamava em ser algo para alguém...

Eu me sentia feliz com a amizade que tínhamos

Me sentia como a muito tempo não sentia

Me senti útil a alguém...

Iludir-me?

Forjei uma realização que não era verdadeira?

Ainda não descobrir,

Mas meus sentimentos se confundem ainda mais

Por não saber em que terreno devo eu pisar

Sem saber se me compreendeu.

Passei dias e horas a fio pensando

Tive como companhia apenas o teu silencio

E me julguei infeliz por muitos momentos

Meu coração começou a ficar amargurado

Não era mais a mesma menina de antes

Eu que estava aprendendo a confiar nas pessoas novamente

Retornei a um estado de paralisia

Queria apenas sua amizade

Mas você saiu de minha vida sem explicação

E passei a refletir e passei a descrer

Passando por momentos

De incredulidade na amizade

Amizade essa que eu tinha aprendido que

Com você que seria possível...


Sinto falta de algo...

Sinto que não mais voltaremos a ser como antes...

Eu era tão feliz, e não sabia

Era tudo tão real, que me magoo de verdade

A ausência, a indiferença

E sei lá mas o que...


Longe dos olhos, longe do coração?

Definitivamente não.

Ao pensar em ti

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Ao pensar em ti 
Priscila Regina

Quando penso em você

não apenas me perco

em meus pensamentos

como me perco em

meus singelos sentimentos

que insistem em gritar

na busca pelo teus beijos

na ânsia

do novo encontro

Quando penso em ti...

sei que estou mais completa

quando olho e não te vejo...

minha alma chora

e chora... como se não mais

vida tivesse em mim

só quando te ter só para mim

saberei de verdade o que

significa ser feliz!

Sonhei com você! 1

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Sonhei com você! 
Priscila Regina

Sonhei com você...

e acordei muito agitada e inquieta

no sonho tu me beijavas

e despertava em mim um sentimento

que não sabia que poderia existir

eu amava aquele momento

e queria que durasse uma eternidade

e durou...

poucos instantes que acordei

como se tudo tivesse sido real

o gosto do teu beijo ficou

as lembranças daquele momento

que total utopia de minha mente

permanece...

e permanece cada vez mais presente em mim...

Quando deixares de me amar 1

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Quando deixares de me amar
Prisca

Quando deixares de me amar
haverá choro, e tristeza
as estrelas eu não mais verei
os amigos não mais terei
não mais respirarei
as chuvas não mais cairão
meus pés não fincarão mais no chão
o barulho do mar não mais me encantarão
dos meus olhos uma lágrima brotará
eles incharão de tanto chorar
tudo isso no dia que não mais me amar...
Quando não me amares
sei de verdade que é o apocalipse
o fim do mundo, do meu mundo
dos meus sonhos
quando enfim eu deixar de te amar
pode ter uma certeza
que viva mais não hei de estar.

Rosa 6

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Carinho
Rosa
Priscila Regina
Tão
delicada como a rosa eu me sinto 

Tão perfeita em suas formas 
Tao agradável como o seu perfume 
e tao frágil como ela se apresenta 
Nos ambientes chama atenção 
Pela beleza, pelas cores 
Pelo simbolismos que traz em si 
A rosa esconde mistérios 
Desejos, sentimentos... 
Ao entregar uma flor 
Você nao apenas entrega uma planta 
Mas entrega todo um conjunto 
Todo um simbolismo 
Uma esperança 
Ao recebê-la... 
Só voce, sabe mensurar  
Os sentimentos sublimes 
Que uma simples flor pode trazer.

Não nos abandonemos

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Desculpa
Não nos abandonemos
Prit
Eu nunca te rejeitei 
Simplesmente meu coração não soube te amar 
Quando você buscou isso em mim 
Eu não te julguei errado 
Apenas assumir toda culpa 
Por toda catástrofe que nos causamos 
Eu nunca culpei você... 
Eu entendi até, 
Defesas de um coração. 
Não fiques a pensar que o que sentimos 
O que cultivamos é eterno 
Uma hora o coração cansa, 
E o meu esta exausto. 
O meu erro foi querer te ter ao meu lado 
Mesmo separados por idéias 
Sentimentos, e convicções. 
Hora eu prometo a mim mesma 
Em não te procurar mais, 
Mas meu sentimento de amiga  
É grande demais para te deixar. 
Quando precisar, 
Não excite em me procurar, 
Uma guerra de trava 
Entre a razão e o coração. 
Sejamos Justos... 
ERRAMOS 
Mas sejamos humildes em admitir 
Se nos separarmos, 
Ambos perderemos. 
Não nos esqueçamos então. 
Vamos tentar prosseguir. 

Prometo sonhar contigo

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor

Prometo sonhar contigo 
Priscila Regina 

Quando eu não tiver mais esperanças 
Quando em mim não tiver mais esperanças 
De te ter aqui comigo! 
 
Prometo Beijar ta face 
Quando te sentires sozinho 
Quando te faltares amigos 
Me farei presente sempre que puder 
 
Prometo ser a amiga verdadeira 
Que te ouve ate e te entende 
Mesmo quando fazes as maiores besteiras 
Sem te julgar tolo ou imbecil 
 
Prometo Chorar vários dias 
Se por acaso souber 
Que alguém te machucou a alma 
Ou se não mais me quiseres contigo 
 
Pela minha sensibilidade prometo 
Pela minha ingenuidade eu percebo 
Que já estou ligada demais a ti 
Prometo não te esquecer 
Mesmo que esqueças de mim... 

Parte de mim sorrir

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Parte de mim sorrir  
Prit
Enquanto você chora 
Parte de mim chora 
Enquanto você sorrir 
Queria mesmo é estar na mesma sintonia 
Mas você não deixa eu me aproximar 
Parte de mim pede 
Para que nunca vás embora 
Que permaneça um pouco mais comigo 
Como sempre imaginei. 
Uma parte de mim te deseja 
A outra parte te amou 
E hoje confesso que não sei 
O que do meu sentimento restou. 

Sentir saudades

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Amor
Sentir saudades
Priscila Regina 

Sinto
Saudades de ser um pouco mais de mim, e menos de voce! 
Sinto saudade de amar e de ser amada , com verdade... sem fingimento,
mas sim com sentimentos verdadeiros. 
Sinto saudades de ter um amor, um carinho, e um abraço nas noites frias... 
Saudade de ter uma voz que me acalme, quando me sinta fraca e abandonada. 
Saudade de nao ter que mascarar-me, para que gostem de mim. 
Morro de vontade de ter com quem conpartilhar minhas alegrias, tristezas,
ansiedades... 
Me Perdoem meus amigos, nao diminuo vocês... 
Sabes da importância que cada um tem em minha vida. 
Mas tem coisas que em mim não preenche, 
Não consigo Compreender. 
E não sei se algum dia eu mesma compreenderei... 
Tenho saudades nao apenas ser apenas alguém no mundo, 
Desejo na verdade, ser o mundo de alguem... 
Mas esse dia parece nao chegar... 
Mas mesmo assim espero. 

Meio assim

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Depressiva
Meio assim 
Priscila Regina


Parece que quando mais precisamos

Todos somem, como num complô

Parece que caímos no esquecimento

E só podemos contar de verdade

Com aqueles em quem nem poderíamos pensar

Por algum motivo que torna tal pensamento inviável

Pensamentos de carinho ou algo mais...


Mas ainda sigo,

na esperança de que vou vencer

De que esse tempo ruim vai passar

e de que rirei de toda a situação


Mas enquanto esse dia não chega

Luto para esta sempre sorrindo

Para parecer legal

Para ser alto-astral


Mas tem horas que dói

Como se nada fosse voltar a ser como antes

Como se não valesse tanto a pena investir

Nessas pessoas que somem a cada instante


Mas darei uma segunda chance

Uma terceira, quarta ou quinta talvez

para que quem sabe um dia compense

Ou se torne menos dolorosa.
Carregando