Poesias e Mensagens Virtuais

Em busca da Liberdade

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Pessoa

Às vezes sinto uma nostalgia
Ninha Barroso

De uma vida tranquila e calma
Sem tumulto e rebeldia
Que brotam da minha alma


Quero viver o presente
Mas preciso esquecer o passado
Quero alimentar o sonho de ser gente
Mas tento deixar as tristezas de lado.


Sou livre e ao mesmo tempo presa.
Mas continuo idealista.
Já provei da lágrima e da beleza.
Mas ainda está turva a minha vista


Meu coração está oprimido
Na ânsia e na iminência
De se deixar levar por um desconhecido.
Mas quero conhecer sua essência.


Não quero ouvir a voz da razão.
Preciso buscar a felicidade,
Quero viver uma nova emoção.
E provar de novo a liberdade.

Carregando