Poesias e Mensagens Virtuais

O bombeiro

Nota 1Nota 2
Nota 3Nota 4
Nota 5Nota 6
Nota 7Nota 8
Nota 9Nota 10
Cantinho:
Categoria: Autores

O bombeiro
Antônio Cândido Barone


É um soldado valente
E sua vida põe em jogo
Quando domina os incêndios,
Combatendo apaga o fogo.


Um clarão às vezes surge,
Noite escura iluminando:
Um fogaréu destruindo,
Uma casa se queimando.


Rodam carros colossais
Numa doida disparada,
Levam soldados do fogo
Que têm a vida arriscada.


E na luta desigual
São os titãs, os gigantes,
Que no fim de tanta luta
São vencedores, triunfantes!


Com altivez do guerreiro,
Sempre alerta noite e dia:
O bombeiro bem merece
Toda a nossa simpatia!

Carregando